ARTE – DANÇA – MAURICE BÉJART – 1927 – 2007

 

MATRÍCULAS ABERTAS ATÉ O DIA 6 DE MARÇO PARA OS CURSOS DE ARTE CONTEMPORÂNEA MULTIDISCIPLINAR E INTERPRETAÇÃO PARA PERFORMANÇE

Mais informações pelo e-mail luilopreti@hotmail.com

Bailarino e Coreógrafo Clássico Francês, estudou Dança em Londres e Paris a partir dos 14 anos. Em 1952, incomodado com certa imobilidade criativa do balé e trabalhando para a Companhia de Roland Petit, cria sua primeira coreografia, para o filme suéco ” L`oiseau de feu “ ( Pássaro de fogo ) como principal intérprete.

Sempre procurando popularizar o balé,  compôs uma coreografia arrojada ” Sinfonia de um homem só “, com musica de Pierre Henry e Pierre Schreffer. Criticado, sai de Paris e instala-se em Bruxelas onde apresenta sua coreografia ” Sagração da Primavera “ de Igor Stravinsky, obtendo enorme sucesso – Um ano depois funda a ” Companhia do Século 20 “ – inaugurando uma das companhias de repertório mais estáveis do século.

Entre suas obras mais importantes temos o ” Bolero “ de 1960, com música de Maurice Ravel, ” Nona Sinfonia “ de 1964, ” Romeu e Julieta “ de 1966, “ Missa do Tempo Presente “ de 1967, ” Malraux ou a Metamorfose dos Deuses “ de 1986 e ” Zaratustra “ de 2006. Sintetizou em sua obra a estruturação clássica com a sensualidade moderna. Em 1987, rebatizou o nome da Companhia para Balé Béjart Lausanne indo para a Suissa.

Criou mais de 140 coreografias, foi Professor e teve entre seus bailarinos Rudolf Nureyev, Maya Pilsetskaya e Jorge Donn – sobre a Dança disse – ” Um mínimo de explicação, um mínimo de anedotas e um máximo de emoções “.

 


This entry was posted on sexta-feira, fevereiro 26th, 2010 at 18:37 and is filed under Sem categoria. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

2 Respostas to “ARTE – DANÇA – MAURICE BÉJART – 1927 – 2007”

  1. Bia Says:

    Já vi várias coreografias da Bolero de Ravel , mas esta…vou te falar, é de chorar de tão linda. Também, é o Béjart !!Será que é a mesma coreografia que aparece no filme “Tangos” que ele dança em baixo da Torre Eiffel? Bj
    Bia

  2. sandra chávez Says:

    sem palavras,
    quantos significados, quantos elementos visuais e sonoros…
    abraço
    sandra chávez elcv

Leave a Reply