ARTE – TEATRO – ADOLPHE APPIA – 1862 – 1928

 

ARTE ACORDA O OLHAR

MATRICULAS ABERTAS PARA O CURSO INTERDISCIPLINAR DE ARTE MODERNA E PARA A AULA DE ARTE BRASILEIRA EM SANTOS

MAIS INFORMAÇÕES NO

luilopreti@hotmail.com

 

Adolphe Appia foi Encenador de Teatro Suiço. Ficou mais conhecido pelos projetos que fez para as Óperas de Wagner, mas desenvolveu teorias que modernizaram definitivamente a Cena do Teatro e da Dança. Atrvés da criação de uma estrutura de iluminação elétrica, moldava as composições cênicas a partir da manipulação das cores, das intensidades das luzes e suas nuances ou contrastes, remetendo diretamente o expectador á uma experiência Impressionista ou Expressionista, de acordo com as temperaturas dramáticas.

Criou uma nova plástica cenografica, estruturada geométricamente, despojando os elementos do palco e possibilitando um novo design de Cena, onde o ator passou a ser acessorado por todos os elementos da composição, tornando-se o grande protagonista do espetáculo. Defendeu três elementos fundamentais para uma composição unificada ou para uma ” mise en cena ” – 1- Dinamismo e três movimentos tridimensionais para os atores ( quebrando a cena frontalizada da representação Elizabetana ), 2- Cenário perpendicular e 3- Usa a profundidade e as dinâmicas horizontais do espaço de atuação.

Appia pensou a luz como modeladora dos corpos no espaço, como na montagem de ” Tristan und Isilde “, de Wagner, em Milão em 1923, ou ainda em ” Anel dos Nibelungos “ tambem de Wagner em 1924-5. Acreditou na possibilidade de estruturar composições como unidades ( à maneira de Cezanné ) fortalecendo as ações dos intérpretes. Foi um grande Encenador e influenciou outros grandes Encenadores como Edward Gordon Craig, Jacques Copeau e Wieland Wagner.

 

ADOLPHE APPIA

ADOLPHE APPIA

 

ADOLPHE APPIA - SKETCH PARA WAGNER - PLANOS MÚLTIPLOS.

ADOLPHE APPIA - SKETCH PARA WAGNER - PLANOS MÚLTIPLOS.

 


This entry was posted on terça-feira, agosto 31st, 2010 at 15:11 and is filed under Arte Moderna. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply